Turismo na fronteira pode ser impulsionado com voos de Manaus a Curação

Até o final deste ano, São Paulo e Manaus devem ganhar voos diretos para o destino, de acordo com o gerente de Marketing de Curaçao para a América do Sul.

16
Foto: www.panrotas.com.br

O gerente de Marketing de Curaçao para a América do Sul, André Rojer, esteve em Manaus, visitando a AmazonasTur, juntamento com representantes do grupo ON Vacation, e propondo parceria para unir turisticamente a ilha caribena de Curação com a capital Manaus.

Ele disse que o Brasil merece um voo direto a Curaçao e estamos investindo maciçamente neste mercado. No momento estamos negociando com as companhias aéreas para selecionar qual delas irá operar as rotas, e nossa meta é ter uma resposta em breve”, anunciou Rojer hoje ao Portal PANROTAS.

Segundo ele, também está nos planos aumentar as frequências dos voos já existentes, os quais incluem conexão e são operados pela Avianca e pela Copa Airlines.

São Paulo é o principal Estado emissor para o destino, respondendo por 50% dos visitantes na ilha, seguido pelo Rio de Janeiro (18%) e por Minas Gerais (10%). “O turista brasileiro é o que mais gasta em Curaçao (US$ 250 ao dia por pessoa) e nossos planos com o País são levados muito a sério”, afirma o executivo.

Além dos novos voos, o destino tem realizado roadshows e diversos treinamentos com operadoras e agentes de viagens no Brasil, além de investir em bastante propaganda do destino. “Iremos firmar parcerias com as lojas Riachuelo (por meio de uma coleção de roupas inspiradas em Curaçao) e Le Postiche, que sorteará passagens para a ilha”, conta o gerente de Marketing de Curaçao para a América do Sul.

Atualmente 91% da visitação ao destino provém do lazer.