SEMED Tabatinga (AM) fala sobre a falta de merenda escolar nas comunidades rurais

A SEMED informou ainda que todas as escolas da zona urbana já receberam a merenda escolar, e na próxima semana, um barco vai descer até as comunidade levando a merenda

31
Foto: arquivo/Internet

Em entrevista ao programa Repórter Solimões da Rádio Nacional, Coordenador de Alimentação Escolar, em Tabatinga, Ediberto Pereira, explicou que a falta de merenda nas escolas da zona rural ocorreu devido ao atraso da chegada dos produtos por parte dos fornecedores que são de Manaus.

Ediberto informou ainda que todas as escolas da zona urbana já receberam a merenda escolar, e na próxima semana um barco vai descer até as comunidade levando a merenda, que deve durar 40 dias letivos de aula até a chegada do próximo pedido, que já está sendo feito pela Secretaria de Administração.

A nutricionista da Secretaria de Educação de Tabatinga, Eline Ramos, informou que uma equipe listou os produtos que deveriam ser licitados para atender as 68 escolas municipais. Eline ressaltou também que a equipe da coordenação de alimentação escolar acompanhou a chegada dos produtos para verificar prazo de validade e qualidade, antes do envio as escolas.

Por: Rádio Nacional do Alto Solimões 96,1FM