Moradores do Umariaçú II em Tabatinga, cobram segurança

A população pode ligar para o número 190 ou 3412-2404.

668
Foto: ASCOM/PMTBT

Moradores da comunidade de Umariaçú II procuraram a rádio do Alto Solimões para denunciar os constantes casos de assaltos com violência que tem ocorrido na aldeia. Motivo pelo qual os moradores cobram a presença da Polícia Militar de Tabatinga.

O local mais vulnerável para a ação dos criminosos é a ponte que liga as comunidades de Umariaçú I e II.

A noite é o período em que mais acontecem os assaltos, segundo  a moradora de Umariaçú II, Lidinilza da Costa.

O comandante do 8° Batalhão de Polícia Militar em Tabatinga, major Herlon Gomes, explica aos moradores que a presença da polícia na comunidade está reduzida devido a falta de infraestrutura de pavimentação das vias.

A população pode ligar para o número 190 ou 3412-2404.

Texto: Otto Farias/ Rádio Nacional 96,1FM