AM: Mais de 2,6 mil mulheres já pediram medidas protetivas em casos de violência

Número foi registrado entre os meses de janeiro e julho de 2018.

4
Imagem; Divulgação

Somente entre os meses de janeiro a julho deste ano, mais de 2,6 mil mulheres que sofreram violência doméstica em Manaus entraram com pedido de medidas protetivas na Justiça. O número é 57,3% maior que o registrado no mesmo período de 2017, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (6).

A Secretaria informou que 7.458 casos de violência, que incluem estupro, feminicídio e sequestro e cárcere privado, foram registrados nas delegacias da capital entre janeiro e junho deste ano. O índice é maior que o dobro de pedidos de medidas protetivas protocoladas este ano.

Leia mais: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2018/08/06/mais-de-26-mil-mulheres-em-manaus-ja-pediram-medidas-protetivas-em-casos-de-violencia-domestica-em-2018-diz-ssp.ghtml